Justiça manda transportadora pagar funcionários.

A Justiça do Trabalho determinou prazo de dez dias, a contar do último dia 26, para que a Ranthum Transporte e Logística, e a M2 Log, paguem os 92 funcionários que foram demitidos no dia 4 de janeiro. A decisão interlocutória é do juiz Jorge Luiz Souto Maior, da 3ª Vara do Trabalho.

Por causa das demissões e do não pagamento dos direitos trabalhistas, O Sindicato dos Trabalhadores em Transportadoras de Cargas (Sintracargas) ajuizou a ação, que teve sentença no dia 26.

Souto Maior determinou ainda multa diária de mil reais por funcionário, caso não haja cumprimento da decisão, apresentação das guias de recolhimento de encargos sociais, sob pena de tornar indisponíveis os bens das empresas, uma vez que formam grupo econômico. Ambas as empresas dividem o mesmo pátio no bairro do Engordadouro, em Jundiaí.